Preso em um passado contínuo.




E se o passado vivesse em seu presente?? E se você não conseguisse mais separar quem você foi de quem

você  é agora??
E se uma notícia pudesse mudar tudo o que você construiu e abalar toda a sua estrutura interna.
O que fazer, quando não se sabe o que fazer, o que sentir, o que pensar, o que esperar??
É exatamente assim que Theo se sente, aos trinta anos de idade, ele não consegue se desapegar da criança que foi aos oito anos, principalmente, ele não consegue se desapegar de Megan. Após muitos anos, ele recebe a notícia de sua morte, levando-o mais uma vez ao passado.
Até quando isso??
Conheça a vida de Theo, seu passado, presente e futuro.



Capítulo Um
Capítulo Dois







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Categorias